FORMAÇÃO ONLINE

ALEITAMENTO MATERNO E SAÚDE MENTAL

Dirigida por Ibone Olza
Coordenador:  Caio de Melo

 

I Edição em Português

Outubro 2019 – Junho 2020

Início: 15 de Outubro

 

A formação conta com foro privado de apoio e todo o material está traduzido ao português.

Algumas aulas são em português e as demais estão legendadas.

 

 

O Instituto Europeu de Saúde Mental Perinatal lança a I Edição em português desta formação pioneira, de duração anual, centrada nos aspectos mais psicológicos, neurobiológicos e socioculturais da amamentação. A formação parte do modelo ecossistêmico de atenção à saúde mental perinatal, que reconhece as necessidades neurobiológicas e afetivas dos bebês e suas mães no período perinatal, para logo incluir os processos psicológicos de mães e bebês na interação diádica, assim como a presença do(a) companheiro(a), os processos sistêmicos da família, a interação com os profissionais que os atendem e o contexto social e cultural no qual a criança se desenvolverá.

Esta formação em Aleitamento Materno e Saúde Mental pretende cobrir um vazio formativo no âmbito do aleitamento, oferecendo uma atualização rigorosa e baseada na evidência científica em temas como a psicobiologia do aleitamento, a neurobiologia do vínculo, a psicologia maternal e a detecção e tratamento dos transtornos mentais maternos ou da lactante, assim como as alterações da relação vincular no contexto do aleitamento. Aprofundaremos em como ajudar e fomentar o aleitamento em situações de estresse ou sofrimento psíquico pessoal ou familiar, na compreensão de como influenciam ou interferem os processos psicológicos e psicopatológicos no aleitamento e no tratamento dessas diferentes possíveis condições.  

Apesar do consenso científico, médico e social em torno aos benefícios do leite materno e da amamentação para a saúde das mães, recém-nascidos e crianças pequenas, as taxas atuais de aleitamento no ocidente distam muito das recomendadas pela Organização Mundial da Saúde e da Associação Espanhola de Pediatria. Mesmo que a maioria das mulheres expressem durante a gravidez seu desejo de amamentar de maneira exclusiva o seu bebê depois do nascimento, ainda são poucas as que conseguem cumprir seus objetivos de maneira satisfatória.

Tradicionalmente a promoção do aleitamento se centrou em visibilizar os benefícios para a saúde de mães e bebês. No entanto, houve menos esforços para se aprofundar nas razões pessoais presentes em muitos desmames precoces. Apesar de que se reconhece a dimensão íntima, emocional e sexual da experiência, com frequência se omitem os aspectos psicológicos da amamentação na formação recebida pelos profissionais que atendem às mães. Essa omissão faz com que, quando as mães apresentam dificuldades ou sofrimento psíquico no pós-parto, raramente se destaca ou se atende tal necessidade, não se contempla de maneira específica a saúde mental nem se oferece formação específica em como atender as mães que apresentam psicopatologia no período perinatal ou patologias relacionadas (Vanderkruik, Lemon & Dimidjian, 2015).

 

Objetivos

· Fornecer conhecimentos em fisiologia do aleitamento materno aos profissionais de saúde mental, assim como das principais dificuldades que podem obstaculizar o aleitamento.

· Fornecer conhecimentos em psicologia perinatal, como psicologia do pós-parto e os possíveis quadros psicopatológicos que podem aparecer aos profissionais sanitários que atendem a mães lactantes.

· Oferecer ferramentas para o apoio eficaz ao aleitamento de maneira individualizada, tendo em conta a natureza psicossocial da amamentação.

· Oferecer ferramentas para o tratamento dos transtornos mentais maternos do pós-parto em mães lactantes.

 

 

Programa

 

Primeira Parte: Aspectos biopsicossociais do aleitamento materno (Outubro 2019 – Janeiro 2020)

1. Perspectiva ecossistêmica e razões evolutivas para a amamentação. Benefícios físicos e psíquicos do aleitamento materno para a criança, a mãe e a sociedade. Ibone Olza e Concha de Alba.

2. Neurofisiologia do aleitamento materno. Como funciona o aleitamento. Hormônios, reflexos, mecanismos de produção e composição do leite materno. O que significa autorregulação, a demanda, a confiança. Concha de Alba e Ibone Olza.

3. O início do aleitamento: cuidados na atenção ao parto, nascimento e puerpério imediato. Carmela Baeza.

4. Psicologia do puerpério. Observação de bebês e interação diádica. Ibone Olza e Esther Ramirez Matos.

5. Ecofeminismo e aleitamento materno. Grupos de mães de apoio ao aleitamento. María Jesús Blazquez e Ibone Olza.

6. Neurofisiologia do parto. Efeitos das intervenções no parto sobre o aleitamento . Ibone Olza.

7. Observação de uma mamada. Dificuldades comuns no início do aleitamento. As primeiras semanas. Carmela Baeza.

8. Psicologia do pós-parto tardio. Esther Ramírez Matos.

9. Tratamentos médicos e situações especiais. Carmela Baeza.

10. Habilidades de comunicação em aleitamento materno. Belén Abarca.

11. Introdução à pesquisa em aleitamento materno. Ibone Olza.

12. Aspectos sociais e culturais no aleitamento. Por que é tão difícil amamentar hoje em dia. José Maria Paricio.

13. Sexualidade e aleitamento. Esther Ramírez Matos.

 

Segunda parte: Aleitamento e saúde mental materna (Fevereiro – Abril 2020)

14. O cérebro e a conduta maternal. Prolactina e oxitocina. Ibone Olza.

15. Psicologia do aleitamento. Esther Ramírez Matos.

Introdução aos transtornos perinatais

16. Introdução aos transtornos mentais perinatais maternos e seus efeitos no aleitamento. Detecção, valoração e diagnóstico. Ibone Olza.

17. Depressão e ansiedade pós-parto. Barbara Figueiredo.

18. Transtorno de estresse pós-traumático no pós-parto. Ibone Olza.

19. Psicose puerperal e outros transtornos. Ibone Olza.

Avaliação e plano de tratamento de transtorno mental materno durante o aleitamento

20. Avaliação geral e plano de tratamento. Princípios comuns ao tratamento de mães lactantes com psicopatologia. Ibone Olza.

21. Psicoterapia durante o aleitamento. Esther Ramírez Matos.

22. Psicotrópicos e aleitamento. Elena Serrano e José Maria Paricio.

23. Grupos de mães, grupos de massagem infantil. Ana González Uriarte.

 

Terceira parte: Aleitamento materno e saúde mental infantil (Maio – Junho 2020)

24. Aleitamento, neurodesenvolvimento infantil. Aleitamento e criança fisiológica. Construção de vínculo e amamentação. Ibone Olza.

25. Aleitamento materno e prematuridade. Concha de Alba.

26. Bebê hospitalizado e psiquismo em construção: os bebês e suas emoções. María Emilia Dip.

27. Apoio ao aleitamento em neonatologia. Belén Abarca.

28. Aleitamento e prematuridade. Bancos de leite materna. Amamentação em luto. Miguel Angel Marín.

29. Apoio ao aleitamento em situações especiais: amamentação mista, amamentação diferida, “re-amamentação”, amamentação de gêmeos ou múltiplos, amamentação em conjunto, amamentação adotiva, hospitalização materna ou da lactante. Carmela Baeza.

30. Sonho infantil e aleitamento. María Berrozpe.

31. Aleitamento materno depois dos dois primeiros anos de vida. Destete fisiológico. Ibone Olza.

32. Psicopatologia da primeira infância. Transtornos 0-3 e seus efeitos na amamentação. (transtornos de alimentação, transtornos do espectro autista, deficiências, etc.). Ibone Olza.

 

Outros temas

33. O pai na amamentação. Paco Herrero.

34. Mamar a arte. Ana Álvarez-Errecalde.

 

Professores

* Ibone Olza, psiquiatra infantil e perinatal

* Barbara Figueiredo, Universidade de Minho, Centro de Investigação em Psicologia (CIPsi)

* Carmela Baeza, médica IBCLC

* Esther Ramírez Matos, psicóloga sanitária, terapeuta sistémica e de casais, terapeuta perinatal

* Concha de Alba, pediatra neonatóloga

* Belén Abarca, enfermeira de neonatologia, IBCLC

* Ana González Uriarte, psiquiatra infantil, psicóloga, psicoterapeuta sistêmica

* María Jesús Blazquez, bióloga, cofundadora da associação Via Láctea

* José María Paricio, pediatra

* Elena Serrano, psiquiatra perinatal

* María Emilia Dip, psicóloga clínica

* Miguel Angel Marín, pediatra neonatólogo

* Francisca Fernandez, advogada

* Paca Moya García, sindicalista, membro do “Colectivo La Leche” (Sevilha, Espanha)

* María Berrozpe, bióloga

* Paco Herrero, educador social

 

Dirigido a:

Médicos(as), enfermeiros(as), psicólogos(as), trabalhadores sociais, parteiras, obstetrizes, consultores de aleitamento, etc., assim como a estudantes das profissões relacionadas com a saúde materno-infantil.

 

Formato

O curso é inteiramente online.

 

Inclui:

*Uma ou duas aulas semanais gravadas em vídeo que se poderão acessar a partir da terça-feira de cada semana.

* Envio de material docente para estudo.

* Acesso ao foro interno para a resolução de dúvidas e criação de rede de apoio

* Ao longo da formação se propõe tarefas que serão imprescindíveis para a obtenção do certificado.

 

Data de início:15 de outubro de 2019

 

 

Preços e opções de pagamento

Ajustamos os preços em função do nível de renda segundo esta classificação de países do Banco Mundial:

 
* Países A:  Portugal

Até 15 de Setembro

  • À vista: 670€
  • Dividir em 2 meses: 350€ como reserva de vaga + 350€ no dia 1 de dezembro
  • Dividir em 9 meses: 85€ como reserva de vaga + 85€ mensuais de novembro de 2019 a junio de 2020

Depois de 15 de Setembro

  • À vista: 690€
  • Dividir em 2 meses: 360€ como reserva de vaga + 360€ no dia 1 de dezembro
  • Dividir em 9 meses: 85€ como reserva de vaga + 85€ mensuais de novembro de 2019 a junio de 2020
 
* Países B: Brasil

Até 15 de Setembro

  • À vista: 550€
  • Dividir em 2 meses: 290€ como reserva de vaga + 290€ no dia 1 de dezembro
  • Dividir em 9 meses: 66€ como reserva de vaga + 66€ mensuais de novembro de 2019 a junho de 2020

Depois de 15 de Setembro

  • À vista: 570€
  • Dividir em 2 meses: 300€ como reserva de vaga + 300€ no dia 1 de dezembro
  • Dividir em 9 meses: 66€ como reserva de vaga + 66€ mensuais de novembro de 2019 a junho de 2020
 
* Países C:  Angola, Guinea-Bissau, Mozambique, Cabo Verde, Santo Tomé y Príncipe y Timor Oriental

Até 15 de Setembro

  • À vista: 410€
  • Dividir em 2 meses: 220€ como reserva de vaga + 220€ no dia 1 de dezembro
  • Dividir em 9 meses: 52€ como reserva de vaga + 52€ mensuais de novembro de 2019 a junho de 2020

Depois de 15 de Setembro

  • À vista: 430€
  • Dividir em 2 meses: 225€ como reserva de vaga + 225€ no dia 1 de dezembro
  • Dividir em 9 meses: 52€ como reserva de vaga + 52€ mensuais de novembro de 2019 a junho de 2020

 

Está aberta a solicitação para Bolsas de Estudo através deste formulário.

Estão abertas as inscrições através deste formulário.

VAGAS LIMITADAS

 

 

 
Nossa Formação está Acreditada pelo International Board of Certified Lactation Consultants (IBCLC) com 55 L-Cerps. Num. Reg. 318072K